14/09/2015

Resenha | Quarto (Emma Donoghue)



ISBN-10: 8576861313
Ano: 2011 / Páginas: 350
Idioma: Português
Editora: Verus

Sinopse: Jack e sua mãe vivem no Quarto. Para ele, um menino de 5 anos muito corajoso e com muita imaginação, só aquilo existe no mundo. O que tem lá fora é o Espaço Sideral e tudo que ele vê pela TV não é real, é só de mentirinha. Ele nasceu, cresceu e aprendeu a ler, comer, brincar, dormir, tudo no Quarto. À noite, ele deve dormir dentro do guarda-roupa fechado, porque um homem, chamado Velho Nick, vem visitar a Mãe.

Presa no Quarto há 7 anos, a Mãe aprendeu a sobreviver e a cuidar de Jack da melhor maneira possível. Com muita criatividade, dedicação e amor maternal, ela conseguiu criar o filho. Porém, cansada dessa vida encarcerada, e desejando um futuro melhor para os dois, ela pensa em um plano de fuga, que envolverá a coragem de Jack e boa sorte.

O livro é narrado por Jack, o que achei uma forma muito legal de contar a história, porque nunca pensamos em como a criança se sente presa, muito menos como é difícil ela se adaptar no mundo lá fora depois do ocorrido. A autora conseguiu captar bem como é estar na cabeça de uma criança de 5 anos, apesar de eu não saber mais como é. É incrível ver como o Jack vê o Quarto e o resto do mundo, como ele considera tudo no Quarto como seu amigo, e como ele é corajoso a salvar sua mãe todos os dias.

A história é incrível, mesmo se tratando de uma tragédia. A narrativa foi bem escrita, e mesmo o Jack não entendendo de tudo, pelos detalhes que ele passava, dava pra entender o que estava acontecendo. Acredito que a história não seria tão impactante e interessante se fosse contada pelo ponto de vista da mãe.

O livro ganhou uma adaptação cinematográfica, com Brie Larson como a Mãe e Jacob Tremblay como Jack, previsto para estreiar dia 16 de outubro de 2015 nos Estados Unidos. Ainda não tem previsão aqui pro Brasil, nem se vai ser lançado no cinema :/

Para quem quiser dar uma conferida na história, vale pesquisar sobre ou ver o trailer do filme (está sem legenda porque não achei o trailer legendado...)

Nota:



Nenhum comentário:

Postar um comentário